Projetos de Formação Integrados

CANDIDATURAS ENCERRADAS

Subscreva a nossa Newsletter para estar a par da abertura de novas candidaturas.

1. BENEFICIÁRIOS

– Médias e Grandes Empresas inseridas no setor das Tecnologias de Produção;
– Empresas que desenvolvem e comercializam produtos e serviços capazes de responder aos desafios e aos requisitos de competitividade e sustentabilidade da indústria transformadora nacional e internacional, com soluções inovadoras, flexíveis, integradas e competitivas.
– CAE de referência – divisão 28, 257, 466 e outros, quando devidamente comprovado o seu contributo para o setor (2529, 253, 2651, 2711, 3312, 332, 4612, 5828, 6201, 7112, 7120, 749).

2. ÁREA GEOGRÁFICA

– Aplicação nas Regiões NUTS II do Continente: Norte, Centro e Alentejo;
– A localização do projeto de formação corresponde à região onde se localiza o estabelecimento do beneficiário (entidade empregadora), a que corresponde o domicílio profissional dos ativos em formação.

3. FORMAÇÃO NAS SEGUINTES ÁREAS TEMÁTICAS

– Estratégias de Internacionalização
– Economia Digital
– Otimização dos processos de gestão com vista à internacionalização
– A servitização da indústria e os mercados internacionais
– Sustentabilidade Ambiental

4. PRINCIPAIS CONDIÇÕES DE ELEGIBILIDADE
– Contribuir para o aumento da qualificação específica dos trabalhadores em domínios relevantes para a estratégia de inovação e internacionalização das empresas do setor;
– Contribuir para o aumento das capacidades de gestão das empresas para encetar processos de mudança e inovação do setor;
– Ser sustentado por um plano formativo adequadamente fundamentado: identificação das necessidades de formação; Identificação dos objetivos, atividades e resultados a alcançar e a sua ligação à estratégia e investimentos em domínios
– Relevantes para a competitividade da empresa, apresentando uma metodologia de avaliação adequada ao processo formativo;
– Disporem de parecer favorável emitido pelo cluster dinamizador, face ao alinhamento do projeto com a estratégia de eficiência coletiva do cluster e com as áreas prioritárias do pacto setorial;
– Ter uma duração máxima de 12 meses (em casos devidamente justificados, o prazo pode ser prorrogado até ao máximo de 12 meses, com a data limite de 30/06/2023).

5. CUSTOS E INCENTIVOS DA OPERAÇÃO

– Um custo unitário (valor de 7,50€) para o salário de cada participante por hora de formação, correspondente aos custos com formandos – contabilizados a título de contribuição privada;
– Um custo unitário (valor de 7,12€) por cada participante e por hora de formação, para todos os custos elegíveis da operação, com exceção dos custos com formandos – incentivo a receber pela empresa.

Boletim Informativo – 202143

Para mais informações consulte o Boletim Informativo e contacte-nos!